quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Mostra de Artes Cênicas do Conservatório de Tatuí apresenta oito espetáculos gratuitos



As peças serão encenadas de 30 de novembro a 03 de dezembro no Teatro Procópio Ferreira, às 15h00 e 20h00
O Conservatório de Tatuí – instituição do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura do Estado – promove nesta semana a Mostra de Artes Cênicas. Oito espetáculos serão apresentados entre os dias 30 de novembro a 03 de dezembro no Teatro Procópio Ferreira, em dois horários: 15h00 e 20h00. A coordenação é de Fernanda Mendes. A entrada é gratuita, mas os ingressos são limitados e já podem ser retirados na bilheteria do teatro.
A Mostra começa com o Grupo de Prática Teatral do Conservatório de Tatuí e a comédia infantil “Lampião e Maria Bonita no reino divino” de Annamaria Dias. A peça conta o que acontece depois da morte de Lampião e Maria Bonita. Lampião e seu ajudante Severino Mansidão vão para o inferno, enquanto Maria Bonita e sua amiga Creuza Espiriteira vão para o céu. Do Reino Divino, eles acompanham o drama vivido por Julinho, sobrinho de Lampião, e Silvinha, sobrinha de Maria Bonita. Os dois estão apaixonados, mas o amor é proibido, pois seus pais não se entendem e não aceitam o namoro. Inconformados com a tristeza dos jovens apaixonados, os cangaceiros farão tudo para ajudar o casal. Mas será que vão conseguir lá de onde estão? Com direção de Dalila Ribeiro, a peça será encenada no dia 30 de novembro, às 15h00.
No mesmo dia, às 20h00, alunos do Curso de Aperfeiçoamento em Performance do Conservatório de Tatuí apresentam o espetáculo “DESenCARNE – entre o provisório e o permanente”. Segundo o professor João Fabbro, o texto é uma provocação, que traz a morte e a brevidade da vida como tema central. Com a proposta de mexer com as emoções do público e provocar questionamentos, a peça tem classificação restrita a pessoas com mais de 18 anos e terá público limitado: apenas 120 ingressos.
Na sexta-feira, 1º de dezembro, às 15h00, alunos do Curso de Teatro Juvenil sobem ao palco com a peça infantil “A vaca Lelé” de Ronaldo Ciambroni. Com direção de André Luiz Camargo e Fernanda Mendes, o texto conta a história de Matilde, uma vaquinha que vivia fugindo do curral, era cheia de sonhos e curiosidades. A Vaca Lelé, como ela é chamada, tem um objetivo: conseguir asas e voar. Na história, cada personagem que ela conhece traz uma lição de vida e é assim que ela cresce. Ela consegue ampliar seus conhecimentos quando se torna amiga do velho espantalho, que tudo sabe e tudo vê. Aprende a cantar com a Cigarra, a ser simples e ter personalidade como o Pardal, a não ser inconveniente como a Mosca, a ter ambição vendo a Galinha tão acomodada, a brilhar como os Vagalumes, a ser forte como o Touro. Mas o que a Matilde não sabia era que, para ter tanta felicidade, precisaria conhecer o outro lado da vida: Matilde conhece o medo e precisa enfrentá-lo.
À noite, às 20h00, alunos do Curso de Teatro Adulto encenam “Liberdade liberdade” de Millôr Fernandes e Flávio Rangel, com direção de Adriana Afonso. A partir da colagem de vários textos clássicos, a peça relata a luta pela liberdade em vários períodos da humanidade. Datado da década de 1960, o texto continua atual. O espetáculo é resultado da disciplina de Jogos Teatrais e apresenta música ao vivo, com classificação livre.
No sábado, dia 02, às 15h00, alunos do Curso de Teatro Juvenil apresentam uma versão do clássico “O Mágico de Oz” de Frank Baum, Noel Langley, Florence Ryerson e Edgtar Allen Woolf. Na peça, um terrível ciclone passou pela cidade do Kansas. Dorothy e seu cachorrinho Totó vão parar na estranha Terra de Oz, onde enfrentam muitas aventuras e aflições. Ao lado de novos amigos – o Espantalho, o Homem de Lata e o Leão Covarde – precisam encarar seus próprios medos numa longa viagem de volta, e de autodescoberta. Sempre ajudados pela bruxa boa Glinda e tentando escapar da Terrível Bruxa Má do Oeste.
Mais tarde, às 20h00, sob a direção de André Luiz Camargo, alunos do Curso de Teatro Adulto interpretam “A Máquina” de João Falcão. É uma história de amor entre Antônio e Karina. Eles vivem em Nordestina, uma cidade do sertão, mas Karina decide tentar a sorte na cidade grande para ser atriz de TV. Antônio, então, traz a TV para o sertão, depois de anunciar que viajará no tempo e construirá uma máquina da morte.
No domingo, dia 03, às 15h00, alunos do Curso de Teatro Juvenil encenam “Os Cigarras e os Formigas” de Maria Clara Machado. Com classificação livre e direção de Dalila Ribeiro, é uma comédia musical que mistura a fábula “A Cigarra e a Formiga” de La Fontaine e “Romeu e Julieta” de Willian Shakespeare. Julietinha Formiga e Billy Cigarra se amam, mas não podem viver esse amor porque suas famílias não se entendem. Sr. Amadeu Formiga jamais vai permitir que sua amada filha se case com o filho desocupado de dona Canária Cigarra.
Para encerrar a Mostra de Artes Cênicas, no domingo, às 20h00, alunos do Curso de Teatro Adulto do Conservatório de Tatuí apresentam “El Edifício”, inspirado nas obras “A vida na grande cidade” de Will Eisner e “Memórias delfuego” de Eduardo Galeano. Na peça, estrangeiros chegam a uma aldeia e modificam seus costumes, sua organização e, sobretudo, apropriam-se de sua cultura. Essa apropriação tem como consequência uma alteração radical na vida dos habitantes, algo que vai repercutir ao longo de vários séculos. A direção é de Rodrigo Scarpelli e a classificação é para maiores de 14 anos.
Apoio cultural – O Conservatório de Tatuí orgulha-se em receber o apoio cultural de Coop – Cooperativa de Consumo – e CCR SPVias.
SERVIÇO
Mostra de Artes Cênicas do Conservatório de Tatuí
Fernanda Mendes, coordenação
Local: Teatro Procópio Ferreira
Rua São Bento, 415, Tatuí
Entrada franca

Espetáculo “Lampião e Maria Bonita no Reino Divino”
de Annamaria Dias
Grupo de Prática Teatral do Conservatório de Tatuí
Dalila Ribeiro, direção
Data: 30 de novembro, quinta-feira
Horário: 15h00
Classificação: livre

Espetáculo “DESenCARNE – entre o provisório e o permanente”
João Fabbro, provocação
Curso de Aperfeiçoamento em Performance
Data: 30 de novembro, quinta-feira
Horário: 20h00
Público reduzido – 120 ingressos
Classificação: 18 anos

Espetáculo “A Vaca Lelé”
de Ronaldo Ciambroni
Primeiro ano do Curso de Teatro Juvenil
André Luiz Camargo e Fernanda Mendes, direção
Data: 01 de dezembro, sexta-feira
Horário: 15h00
Classificação: livre

Espetáculo “Liberdade Liberdade”
de Millôr Fernandes e Flávio Rangel
Primeiro ano do Curso de Teatro Adulto
Adriana Afonso, direção
Data: 01 de dezembro, sexta-feira
Horário: 20h00
Classificação: livre

Espetáculo “O Mágico de Oz”
baseado na obra homônima de L. Frank Baum, roteiro de Noel Langley, Florence Ryerson e Edgar Allen Woolf
Segundo ano do Curso de Teatro Juvenil
Erica Pedro e Adriana Afonso, direção
Data: 02 de dezembro, sábado
Horário: 15h00
Classificação: livre

Espetáculo “A Máquina”
de João Falcão
Segundo ano do Curso de Teatro Adulto
André Luiz Camargo, direção
Data: 02 de dezembro, sábado
Horário: 20h00
Classificação: livre

Espetáculo “Os Cigarras e os Formigas”
de Maria Clara Machado
Terceiro ano do Curso Teatro Juvenil
Dalila Ribeiro, direção
Data: 03 de dezembro, domingo
Horário: 15h00
Classificação: livre

Espetáculo “El Edifício”
inspirado na obra “A Vida na Grande Cidade” de Will Eisner e “Memórias delfuego” de Eduardo Galeano
Terceiro ano do Curso de Teatro Adulto
Rodrigo Scarpelli, direção
Data: 03 de dezembro, domingo
Horário: 20h00
Classificação: 14 anos

Abertura da Programação de Natal tem Iluminação do Pinheirão, abertura da Vila de Natal e apresentação da Orquestra sinfônica do Conservatório de Tatuí

A Prefeitura de Tatuí por meio da Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude realiza nesta sexta-feira, 01 de dezembro, ás 20h a Cerimônia de Iluminação do Tradicional Pinheirão Natalino e Abertura da Vila de Natal com participação especial da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí.

A Praça da Santa será a Vila de Natal, onde irá funcionar o parque e a Casa do Papai Noel que terá uma decoração natalina mágica, isso devido a tradição da Cidade Ternura que tem como pano de fundo o tradicional Pinheiro de Natal, o “Pinheirão” como é conhecido pelos munícipes que a iluminam desde 1956 e que receberá 47 cordões iluminados somando cerca de 1.300 luzes de embelezará a praça. E o Trenzinho Turístico estará estacionado na praça para levar o interessado a um passeio por pontos turísticos da cidade.

 Na programação desta sexta, o Pinheiro de Natal será aceso iluminando a Vila de Natal e criando um local mágico e encantando para que a família possa entrar em clima natalino garantindo, além da possibilidade de se encontrar com Papai Noel, neste lugar de grande entretenimento e lazer para todos.

 No ato inaugural de iluminação da árvore de Natal a festividade terá a participação da Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí, sob regência do Maestro João Maurício Galindo e que apresentará um repertório variado, com trechos de obras consagradas de vários compositores. Entre elas, “Concerto para violoncelo nº 1” de Joseph Haydn, “Sinfonia nº 2” e “Sinfonia nº 3” de Robert Schumann, “Balé Coppélia” de Léo Delibes, “Valsa das Flores” de Piotr Ilitch Tchaikovsky, “Concerto para dois violinos” e “Jesus alegria dos homens” de Johann Sebastian Bach. O evento integra a programação de fim de ano da cidade e é uma ação colaborativa do Conservatório de Tatuí – instituição do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura do Estado – com a Prefeitura Municipal.

As festividades natalinas tem como tema central “Tatuí – Um Conto de Natal” que vem por meio de luz e canções semear alegria, gentiliza, caridade e o perdão, sentimentos que permitem abrir o coração para a fé o amor e a solidariedade. Um dos objetivos é realizar a trazer o espírito natalino criando um espaço capaz de despertar nas pessoas o encantamento do natal.

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Jornalista lança em Tatuí livro que desvenda relação da imprensa com a Ditadura Militar no Museu Paulo Setúbal

 O Museu Histórico Paulo Setúbal em parceria com o jornalista Bruno Moraes Pereira lançam no próximo dia 29, quarta-feira, o livro "Jornalismo em Tempos de Ditadura: a relação da imprensa com os ditadores". A noite de autógrafos e coquetel acontecerá a partir das 19h30 e fará parte do Projeto “Tatuí Consciente” que apresenta o tema “Direito, Violação e Solidariedade”.

Publicado pela Paco Editorial, o livro analisa o posicionamento da imprensa brasileira diante dos fatos mais emblemáticos da ditadura civil-militar. A obra tem como ponto de partida uma série de questionamentos. Entre eles, se “os órgãos de imprensa foram vítimas dos ditadores ou havia uma relação de simbiose e promiscuidade entre os donos de jornais e os governos presididos pelos generais”.

Ao longo dos capítulos, o jornalista traz respostas “com base em pesquisa em profunda pesquisa em arquivos digitais da Biblioteca Nacional e jornais da época”. O livro também tem embasamento em materiais bibliográficos de diversos autores e entrevistas, resultando em narrativa do posicionamento da imprensa brasileira nos principais fatos da vida brasileira entre os anos de 1964 e 1985.

O prefácio do livro é assinado pelo professor Silas Nogueira, orientador do autor na graduação. O docente leciona no Centro Universitário Barão de Mauá e no Celacc (Centro de Estudos Latino Americanos sobre Cultura e Comunicação), da USP (Universidade de São Paulo). A obra também conta com desenhos do ilustrador e roteirista Sebastião Ribeiro.
Entre os acontecimentos analisados pelo autor, estão: a crise institucional que culminou na deposição do presidente João Goulart, o endurecimento com o regime de exceção com o AI-5, a resistência armada contra os desmandos da ditadura, a morte do jornalista Vladmir Herzog, e a reabertura política.
Além de Tatuí, outras cidades paulistas receberão o evento de lançamento do livro, como São Paulo, Jaboticabal e Ribeirão Preto.
No mês de maio, o autor teve participação em outro lançamento literário. Convidado pelo presidente da Chiado Editora, Gonçalo Martins, Bruno Moraes Pereira escreveu a poesia "Tempo Cinza". A obra foi publicada na segunda edição da "Antologia de Poesia Brasileira Contemporânea: Além da Terra, Além do Céu". O lançamento da coletânea aconteceu na capital paulista, na Bienal do Livro do Rio de Janeiro e na Feira do Livro de Lisboa, em Portugal.

BRUNO MORAES PEREIRA

Nascido em Jaboticabal, interior de São Paulo, Bruno Moraes Pereira é jornalista formado pelo Centro Universitário Barão de Mauá e pesquisa sobre a relação da imprensa escrita com a ditadura militar.

Tem experiência no jornalismo impresso, online e rádio, como os veículos O Progresso de Tatuí (Tatuí-SP), A Voz de Cravinhos (Cravinhos-SP), Portal Revide (Ribeirão Preto-SP), jornal Debate (Jaboticabal-SP) e rádio Vida Nova AM (Jaboticabal-SP).


Foi o vencedor da categoria “Blog” no 16º Congresso Intercom Sudeste, em 2012, realizado na cidade de Ouro Preto, MG, com o trabalho “Vigilantes da Notícia: um Olhar Crítico sobre a Imprensa Brasileira”. 

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Show de Cantores é a atração do CEU das Artes na sexta, 24

O CEU das Artes, equipamento de Cultura, da Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude realiza em parceria com o professor de canto Edmo Perandim, na sexta, 24 de novembro, às 20h, com entrada gratuita, a apresentação “Show de Cantores” que é uma celebração da turma de Treinamento Vocal em Belting Contemporâneo.

O projeto trata- se de uma parceria entre a Comunidade Recado com o Edmo Guimarães. "A cada encontro vamos descobrindo as várias possibilidades que essa técnica incrível proporciona". Informa o professor de canto sobre as audições realizadas no decorrer do curso.

O Belting Contemporâneo foi desenvolvido pelo Maestro Marconi Araújo e visa minimizar ao máximo o esforço vocal, ampliando toda a capacidade sonora do ator-cantor, partindo da voz falada e ascendendo à voz cantada, usando o conhecimento das musculaturas do aparelho fonador e a aplicação destas nas diferentes nuances da dramaturgia - principalmente no teatro musical.


Quem canta só pode ser muito feliz!

Tatuí realiza 1ª Mostra Municipal de Dança na Concha Acústica


A Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo, Lazer e Juventude, com o intuito de valorizar a Dança, como manifestação artística destacando sua expressividade no cenário cultural realiza ás 19h do sábado 25 de novembro a 1ª Mostra Municipal de Dança de Tatuí na Concha Acústica “Spartacco Rossi” situado na Praça Antônio Prado.
A Mostra terá cerca de duas e meia de apresentações dos mais variados gêneros: balé, dança moderna, dança de rua, dança de salão, danças tradicionais de diversos estados e países. Uma grande diversidade de tipos de dança serão apresentadas por 341 bailarinos, alunos e profissionais, que se dividem no palco com o intuito de promover a dança como manifestação artística e integrando grupos e bailarinos da cidade.

A Mostra que não tem caráter competitivo recebeu 40 inscrições das mais diversas academias, escolas e grupos da cidade: Academia de Dança Rit’s, Ballet do CEU das Artes, Ballet do Departamento de Esportes, Balleteatro Fred Astaire, Cia de Danças Árabes Mariana Ribeiro, Clube de Campo de Tatuí, Instinto Urbano Crew, ST DNC, Stúdio Sil Verzinhassi, Teatro de Dança Rosinha Orsi e Trupe de Danças Flávia Piazzi.